Michelle Paul
Michelle is a registered nurse with a passion for writing and health education, which is channeled into creating and managing content for LIFE Ascent and other LifeOmic wellness programs.

Michelle Paul
Michelle is a registered nurse with a passion for writing and health education, which is channeled into creating and managing content for LIFE Ascent and other LifeOmic wellness programs.


Kagora como usar as redes sociais com cuidado é agora mais importante do que nunca. No mundo de hoje, as redes sociais estão por todo o lado. Restaurantes e grandes empresas usam-na para espalhar a palavra e atraí-lo para comprar os seus produtos. Famílias e amigos usam-no para se manterem em contacto ou manterem-se atualizados sobre os seus tópicos favoritos.

De acordo com o Pew Research Center,
sete em cada dez adultos
nos Estados Unidos usam regularmente as redes sociais, um enorme salto em percentagem em 2005, quando 5% dos adultos dos EUA disseram que usaram sites de redes sociais.

Com o uso das redes sociais tão difundido, muitas pessoas têm experiência em primeira mão com alguns dos seus aspetos mais negativos. Por exemplo, é fácil espalhar desinformação ou esconder-se atrás de um ecrã ao publicar palavras rudes ou dolorosas.

Mas será que toda esta negatividade potencial tem um impacto real no nosso bem-estar?

Saiba como as redes sociais interagem com a sua saúde mental e como pode usá-la de forma consciente e positiva.

O que vai encontrar neste artigo:

O impacto da saúde mental das redes sociais

Os benefícios do uso das redes sociais

5 dicas para usar as redes sociais com cuidado

O Impacto da Saúde Mental das Redes Sociais

Estudos recentes mostram que uma relação negativa com as redes sociais pode ter um grande impacto na saúde mental.

Aumenta os sentimentos de solidão. Mesmo que possa estar a interagir com mais pessoas através das redes sociais do que cara a cara durante o dia, o uso das redes sociais pode aumentar os sentimentos de solidão. Talvez vejas fotos de vários amigos em comum juntos num restaurante sem ti. Ou pode ignorar as pessoas à sua frente para verificar os novos postos.

Girl texting on smartphone at home

Permite que as pessoas se escondam atrás de um ecrã para dizer coisas nocivas ou dolorosas. As redes sociais são uma excelente ferramenta para espalhar a consciência para temas e comunidades não convencionais. No entanto, uma vez que todos têm acesso às mesmas ferramentas e plataformas, as redes sociais também podem ser usadas para prejudicar ou prejudicar outros.

Pode ser uma ferramenta usada para o ciberbullying. Ciberbullying é o uso da tecnologia para intimidar os outros. Este tipo de bullying inclui o uso de tecnologia, incluindo redes sociais, para enviar ou espalhar informações prejudiciais ou falsas sobre alguém com a intenção de feri-los ou humilhá-los.

Pode dificultar dizer entre o que é real e o que é um filtro. Isto pode levar a expectativas irrealistas e a uma sensação de fracasso ou insuficiência se a sua vida não corresponder ao ideal.

Pode perturbar o seu sono. As redes sociais podem levar a distúrbios do sono. Não ter um sono de qualidade suficiente pode colocá-lo em um maior risco de muitos problemas de saúde física e mental, incluindo diabetes, depressão e perda de memória.

É viciante. Quando fazes algo que te dá prazer, o teu cérebro liberta um químico de “sentir-te bem” chamado dopamina. Você pode obter este lançamento de sexo, comida ou atividades como jogo ou compras. O sentimento é muitas vezes tão satisfatório que continuamos a prosseguir essas mesmas ações para sentir mais dela. A interação nas redes sociais pode desencadear esta resposta. É gratificante ver comentários ou gostos nas nossas fotos ou publicações. Apenas o ato de olhar para as redes sociais sem saber o que pode estar lá pode desencadear uma resposta de dopamina, e esse químico feliz faz-nos voltar para mais até que o dia inteiro tenha passado por nós.

Os Benefícios do Uso de Mídia Social

No entanto, apesar dos potenciais efeitos negativos das redes sociais, o uso desta tecnologia é um recurso valioso. É como nos mantemos envolvidos com amigos e familiares com os quais não podemos interagir. Pode ser como aprendemos sobre notícias de última hora ou aprendemos novos e interessantes factos.

A beleza das redes sociais é que nos ajuda a conectar-nos com pessoas de todo o mundo, e ajuda pessoas de comunidades não convencionais a ouvirem as suas vozes.

Através das redes sociais, aprendemos sobre as experiências e diferentes pontos de vista de outras pessoas. Às vezes é desconfortável e desafiante, mas quando nos envolvemos neste conteúdo de formas saudáveis, este conhecimento pode ajudar-nos a expandir a nossa empatia e compreensão de outras pessoas.

Diverse teenage students using digital smart phones mobile at college campus - Group of friends watching cellphones sharing content on social media platform - Youth, friendship and technology concept

Dicas para usar mídia social mindfully

Para algumas pessoas, cortar completamente o uso das redes sociais é o melhor método para encontrar equilíbrio nas suas vidas e proteger a sua saúde mental. Para outros, desenvolver hábitos saudáveis nas redes sociais dá o benefício de uma paz de espírito, ao mesmo tempo que goza dos muitos benefícios que as redes sociais têm para oferecer.

Aqui ficam algumas dicas que pode adotar nas suas interações nas redes sociais para o ajudar a desfrutar dos benefícios, reduzindo ao mesmo tempo o impacto de potenciais efeitos negativos.

Definir um limite de tempo

Se utilizar as redes sociais principalmente num smartphone, o seu telemóvel poderá ter a capacidade de permitir que você tenha temporizadores para determinadas aplicações.

Por exemplo, pode programar o seu telemóvel para lhe dar apenas uma hora de tempo no Facebook todos os dias. Uma vez atingido o limite de horas, a aplicação fecha e o telefone não lhe permite voltar a aceder à aplicação até ao dia seguinte.

Ao definir um limite de tempo para o seu uso de redes sociais, pode impedi-lo de interferir com outras atividades. Isto pode ajudá-lo a focar-se em conteúdos que importam em vez de deslocar casualmente.

Curadoria do conteúdo que consome

Se houver uma página, site, plataforma ou perfil que publique conteúdo que o faça sentir-se zangado ou deprimido, considere removê-lo das suas interações. Bloqueie o site, remova a aplicação do seu telefone ou desseguida o perfil ou página.

Embora algum desconforto seja importante para a aprendizagem, desafiando as nossas visões de mundo e tornando-se mais empáticos, não faltam conteúdos nas redes sociais que se destinem a ser prejudiciais ou argumentativos.

Quando encontrar este tipo de conteúdo, pergunte a si mesmo por que é importante vê-lo e envolvê-lo. Está a ensinar-te algo novo que gostarias de entender? Está tendo um impacto negativo nas suas emoções ou saúde mental?

Opte por gastar o seu tempo em conteúdos valiosos e significativos para si.

Decida com antecedência como vai reagir

Quanto mais usas as redes sociais, mais provável é encontrares conteúdo que te faça sentir zangado, angustiado ou perturbado.

Dedemo tempo para decidir como vai responder a esse conteúdo. Por exemplo, se normalmente se mete em argumentos, decida que em vez de discutir, pousa o telefone e tira um momento para ir lá fora.

Faça o check-in consigo mesmo antes de publicar

Antes de fazer um comentário, responda a uma discussão ou publicação online sobre como o seu chefe é horrível, tenha um momento para se encontrar consigo e com os seus sentimentos.

Faça algumas perguntas a si mesmo. Diria isto na cara de alguém? A sua opinião tornará uma situação melhor ou pior? É o conteúdo que está a partilhar com base em factos, ou usa linguagem ou imagem que provoca uma resposta específica.

Desligue as suas redes sociais durante as interações presenciais

As interações sociais são importantes para o nosso bem-estar geral, não só para desenvolver relações significativas, mas para manter as nossas mentes ativas e saudáveis.

Two female multi-ethnic friends talking on a park bench in autumn.

Embora as redes sociais possam ajudar-nos a ter interações com mais pessoas, isso pode dificultar as interações presenciais distraindo-nos do que está bem na nossa frente.

Durante as interações sociais presenciais, desligue as suas redes sociais ou coloque o telemóvel fora do alcance onde não se sinta tentado a verificá-lo. Mantenha-se envolvido nas conversas à sua frente e aproveite a oportunidade para valorizar conscientemente esse tempo.